681818171876702
Loading...

Milagromania



Alan Brizotti



Um surto milagromaníaco alastrou-se pelas igrejas. É milagre pra todo lado! Tem gente "curada", gente que acha que foi curada, e gente quem nem sabe se estava doente. É tanto sinal que está virando moda e, como dizia Bernard Shaw, a moda é uma "epidemia induzida". Ops! Se é epidemia, então lá vem milagre!

Se você é pregador, mas não faz milagres, está com os dias contados. Seu mini(s)tério é isso mesmo, "mini" e "estéril", pequeno e improdutivo. Não serve para a espiritualidade das vitrines. Não cabe na agenda da celestialidade mercadológica dos vendedores de ilusões. Não tem o que oferecer para uma multidão de caçadores de mágica.

Se você não prega nada, mas faz milagres, você é o cara! Tem o dom. É especial. Iluminado. Nasceu pra brilhar. É um vitorioso. Sua falta de Bíblia é "compensada" com o que sobra de autoajuda. Sua falta de verdade é mascarada com a arte do ilusionismo, a malandragem da fé. Sua conta bancária vai "testemunhar" de seu progresso. Seu minis-TER-io é baseado no ter, jamais no ser. Velha máxima, contudo dolorosamente real.

Confesso, sofro de milagrofobia. Entretanto, prefiro minha milagrofobia a milagromania tresloucada que a máfia ilusionista impõe sobre a massa. Essa celestialidade bandida brinca com o sofrimento real das pessoas. Atropela necessidades verídicas. Esse estelionato das emoções - o mal de Absalão - que "roubava para si o coração do povo" (II Sm. 15.6), produz como efeito colateral, um exército de frustrados. Gente que entra e sai das igrejas em busca das dádivas de Deus, esquecendo-se do Deus das dádivas. Outra velha máxima...

Não suporto mais o charlatanismo religioso. Os espertalhões da fé. Esse ministério dos metralhas, "Ali Babá e os quarenta profetas", cansa, frustra, oprime, envergonha, ridiculariza, zomba do sagrado. O que me dói é saber que em nosso meio muitos ainda alimentam o discurso da fuga: "não adianta falar"; "preguemos 'apenas' o Evangelho"; "cada um vai dar conta de si mesmo". Esse fatalismo irresponsavelmente confortável coloca-nos no banco dos réus desse processo nojento.

Não me venham com milagres! Meu maior milagre é saber que Deus ainda me ama, apesar de mim!



***
Alan Brizotti, se comprometendo cada dia mais no Genizah




Apologética 2279987216649232020

Postar um comentário

  1. xFullMetal Jacketx20 de outubro de 2009 11:45

    concordo em gênero, número e grau!!! a maioria dos cristãos enchem as igrejas para buscar bênçãos materias, e não aprender sobre a Palavra...só querem saber das "bênça"...

    ResponderExcluir
  2. Sensacional... bom esbarrar em blog´s com essas diretrizes...rs

    a do feliciano foi d+ kkkkk

    ResponderExcluir
  3. Maravilhoso isso aqui rapaz....

    a crentaiada deve ficar louca..rs

    ResponderExcluir
  4. Confiram...
    http://alessandrocristian.blogspot.com/2009/10/nao-perca-40-anos-de-poder-entrada.html

    ResponderExcluir
  5. Crer ou não crer em milagres? Eis a questão!

    ResponderExcluir
  6. Hã, só pra ficar claro miha posição: eu creio em milagres!!! Mais não é aquele do site do Edir Macedo não!!! Ps: http://www.eucreioemmilagres.com.br

    ResponderExcluir
  7. Vocês aqui do Genizah oram por milagre?

    ResponderExcluir
  8. Há muitos truques nesse meio...Já vi de tudo um pouco.
    Certa vez presenciei um "missionário" esfregar um "óleo" na barriga de uma senhora. A pele da mulher foi ficando vermelha e na mão dele formou-se uma meleca.
    Ele esbravejava: "Deus está curando! Olha o tumor saindo! Olha como isso fede!" (muitos se aproximaram para cheirar).
    Ele pode ter enganado muitas pessoas naquela ocasião, mas eu tenho certeza que naquele produto denominado "óleo santo" havia algum ácido, desses que se usa em "peeling facial". E o que ele chamou de tumor, não foi outra coisa, senão pele descamada.

    ResponderExcluir
  9. A paz!
    Sou evangélica de berço, prostestante de coração, pois não me conformo com estas barbaridades, que estão acontecendo em nosso meio. Antigamente os milagres aconteciam no meio do povo, sem exaltação do homem, era PODER DE DEUS! Hoje os homens estão pegando a glória de Deus para si, e estão se perdendo e fazendo papagaiada variadas, é de embrulhar o estômago.
    Ver vídeos como esses é de cortar o coração. Pois é o nome de Jesus que está servindo de chacota. Eu choro em saber que existem esses falsos profetas, atormentadores da fé. E estão enganando a muitos, cumprimento da Bíblia.
    Sou professora da Escola Bíblica Dominical, e sempre dou um jeito de levar a lição para um assunto comoesse. Para poder esclarecer as mentes das pessoas, pois realmente muitos estão sendo enganados.
    Amei seu blog! Obrigado por seguir o meu. Deus te abençõe e te dê coragem para publicar essas postagens. Abraço.

    ResponderExcluir
  10. Milagre mesmo, seria essa raça de viboras pararem de agir de modo farisaico e mentiroso e se arrependerem de todo o coração.

    ResponderExcluir
  11. "Meu maior milagre é saber que Deus ainda me ama, apesar de mim!

    ResponderExcluir
  12. É Brizotti tudo que você falou é pura verdade, Deus nem sempre quer fazer milagres e sim que nós sejamos o próprio milagre de Deus na face da terra, sendo sal fora do saleiro. No entanto, não deixe jamais seu coração se azedar pois o doce da sua alma será capaz de curar corações que foram avinagrados pelo mercado da fé.

    ResponderExcluir

ATENÇÃO: Comente usando a sua conta Google ou use a outra aba e comente com o perfil do Facebook

emo-but-icon

Página inicial item