681818171876702
Loading...

Cresça


 Pastor Edimilson




O menino cresceu e foi desmamado. E, no dia em que o menino foi
desmamado, Abraão deu uma grande festa –
Gn 21.8

Abraão deu uma festa quando seu filho Isaque foi desmamado, mostrando sua alegria por ver seu filho avançando uma etapa rumo à maturidade. Quando leio este texto costumo ver aqui a alegria de Deus conosco quando crescemos mais um pouquinho, diante de cada progresso nosso. A infância é algo bonito, desde que seja vivida somente em seu devido tempo. Ou seja, só é bom ser criança no tempo de ser criança. Quando esse tempo passa, se não deixarmos de ser criança, é sinal de que alguma coisa não está normal em nossa vida, quando Jesus disse que devemos ser como crianças para entrarmos no reino de Deus, ele estava falando de alguns aspectos da criança que nunca devemos perder, ou seja, nossa dependência de Deus, nossa pureza, nossa humildade. Mas no que diz respeito às demais coisas, Deus espera que cresçamos.

Alguns sinais de imaturidade emocional e espiritual mostram que estamos vivendo uma infantilidade fora de tempo:

Exclusividade das atenções. Como as crianças gostam de ser o centro das atenções! Quando chega o irmãozinho mais novo, muitas delas se sentem ameaçadas e chegam a ficar deprimidas. As crianças se esquecem de que as atenções que foram dispensadas a elas, outros necessitam agora e que elas devem ajudar a cuidar dos novos. Mas a criançona fica ressentida e emburrada porque perdeu o colinho. “Desde que chegaram estes aí, ninguém liga mais para mim nem dá a atenção que eu tinha no começo”, diz a criança com o bicão.

Falta de discernimento. Tudo o que a criança pega coloca na boca. Quando se sofre de criancice crônica, a pessoa engole tudo o que lhe dão. Ou então dispensa comida boa e troca por doce ou por coisas que fazem mal à saúde. Como dói ver pessoas dispensando um bom prato de comida da palavra de Deus, por doce que só tapia o estômago da alma.

Melindre. Crianças se magoam com qualquer coisa. Quando se lida com as crianças da vida é preciso se ter o maior cuidado com o que se fala e com o que não se fala, com o que se faz e com o que não se faz. Crianças ficam trancadas em casa, feridos porque alguém não lhes cumprimentou, lhes olhou feio, não sorriu para eles. Crianças são melindrosas.

Teimosia. Crianças são teimosas porque cismam que sabem o que estão fazendo, que sabem o que querem e que sabem o que é melhor para si. Mas, vivem quebrando a cara. Ouvir conselhos é coisa de adulto. Quebrar a cara faz parte do aprendizado. Mas, quando se vive a eterna infância, a pessoa quebra a cara, mas não aprende, e não escuta ninguém porque acha que já sabe tudo.

Quando virmos alguns destes sintomas de criancice em nós, vamos falar para nós mesmos: “cresça”. Deus quer dar uma festa. Ele só fará isso quando largarmos a mamadeira, quando dermos os primeiros passos, quando sairmos das fraudas. Deus dará uma festa quando deixarmos de dar trabalho e começarmos a trabalhar.


***
Fonte: Reflexões



Artigos 8505483001829662221

Postar um comentário

  1. Isso é uma vergonha!!!
    Danilo, dê uma olhada no meu blog, veja o "Pregando a Briba". esse, pelo menos é ignorante, tem uma desculpa...
    http://revmauricio.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Boa tarde pastor,

    desculpe a invasão, mas gostaria muito que alguma coisa fosse feita contra um blog que anticristo que faz apologia ao homossexualismo, as drogas e até ao incesto.

    vamos nos unir e tirá-lo do ar.

    Fique na paz do Senhor.

    ResponderExcluir
  3. A imaturidade cristã (falta de maturidade), denota no crente uma vida infrutífera; às vezes, indisciplinado, pequeno na fé, fraco, sujeito a toda tempestade de ventos, sem firmeza, egoísta, fomentadores de divisão, intolerante.

    Temos alguns tipos de crentes em nossas igrejas:
    # o crente carnal e fraco: É o crente-menino em Cristo, que precisa crescer através da recepção do leite da Palavra (1 Co 3.1);
    # o crente carnal e obstinado: Não é mais um crente-menino, mas é ainda imaturo, um crente que precisa da restauração da comunhão, pela confissão de sua teimosia ou pecado (1 Jo 1.9);
    # o crente espiritual: É o crente que aceitou o leite e cresceu até chegar a maturidade espiritual, de modo que é forte e capaz de aceitar a carne da Palavra ( 1 Co 2.15;3.2).

    Renato Jr.
    http://blogrenatojr.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Mais uma vez expresso minha gratidão a você Danilo. Agradeço também aos que comentaram e especialmente ao Renato jr que enriqueceu em muito ao post. Abração a todos.

    ResponderExcluir
  5. Pr Edmilson,

    Seus textos enriquecem muito o Genizah. É uma honra e prazer publicá-los.

    Abraços,

    Danilo

    ResponderExcluir
  6. Palavra de Deus! Bênção mesmo!

    ResponderExcluir
  7. I Coríntios 13:11
    Quando eu era menino, falava como menino, sentia como menino, discorria como menino, mas, logo que cheguei a ser homem, acabei com as coisas de menino.

    ResponderExcluir

ATENÇÃO: Comente usando a sua conta Google ou use a outra aba e comente com o perfil do Facebook

emo-but-icon

Página inicial item